A Polícia Civil do Pará prendeu mais um acusado de envolvimento na morte de Erica da Silva, de 19 anos. Gustavo Silva da Costa foi preso neste sábado (4) no município de Abaetetuba, a 155 quilômetros de Tailândia, nordeste do Pará.

VEJA TAMBÉM
Motorista é preso com sinais de embriaguez em Tailândia

O acusado é umas das cinco pessoas envolvidas no homicídio, ocorrido no dia 27 de junho, segundo as investigações da delegacia de Tailândia.

Gustava Silva teve a prisão preventiva solicitada pelo delegado João Bosco, delegado que conduziu as investigações que identificou todos os acusados, inclusive, um menor de idade. Todos eles já tiveram as prisões decretadas pela Justiça.

O crime desencadeou outras três mortes no município, entre elas a de um casal, e um suspeito de apoiar o trio que matou o casal.

Erica da Silva, segundo as investigações, morreu após ser jugada pelo ‘Tribunal do Crime’, a mando de uma facção criminosa. Ela foi morta com um tiro na nuca, às margens de um igarapé, no loteamento Jardim Liberdade.

Logo após a morte de Erica da Silva, Gustavo Silva da Costa chegou a ser detido, mas não tinha ainda nenhuma prova contra ele, por isso, acabou liberado.  

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.