A Diretoria Técnica do HGT solicita retificação de informações sobre a transferência de um usuário que foi foco de matéria veiculada por este veículo de comunicação (Portal Tailândia), dia 3/9/2021.

Sobre o referido paciente, a Direção esclarece que o mesmo recebeu toda a assistência de média complexidade da equipe multiprofissional e estrutura hospitalar. O paciente apresentava dor toráxica há mais de um ano, de leve a moderada intensidade. No HGT foram realizados todos os exames necessários onde apresentou o quadro clínico estável.

Mesmo assim, o HGT solicitou leito para transferência em hospital de referência cardiológica, no entanto, após avaliação da equipe do referido hospital, em Belém, houve recusa do leito por entender que aassistência é de caráter Ambulatorial.

Diante disso, o paciente permaneceria internado no HGT até sua melhora clínica ou até sua transferência. A direção do HGT acata a condução médica de sua equipe de especialistas e prima pelo atendimento seguro, de qualidade e humanizado.

O paciente

Estava internado no HGT com aneurisma, depois de fazer tomografia no AME, ficou constatado o aneurisma da aorta torácica. Em risco de alta a família pediu ajuda e ele acabou sendo transferido para uma unidade de saúde particular em Belém.

O paciente está em um leito de UTI. O risco de morte ainda existe, segundo a família.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.