Dezenas de pessoas foram às ruas pedir o fim da violência contra profissionais da educação
Dezenas de pessoas foram às ruas pedir o fim da violência contra profissionais da educação (Foto: Otoniel Oliveira / Ascom-PMT)

Na última sexta-feira, 13, aconteceu uma passeata pelas principais vias de Tailândia. O ato foi uma manifestação em protesto a violência contra os profissionais da educação no município e teve como principal motivação, a agressão ocorrida na última semana, sofrida pela professora e atual vice-diretora da escola Maria do Socorro Ricarte Lopes, Maria Marlúcia.

A passeata que se iniciou em frente a escola Socorro Ricarte, culminou na Praça da Prefeitura, com discurso de professores e autoridades do município, como vereadores e a primeira dama, Sunamita Sobral. Nas falas, a ênfase foi dada também ao fim da violência contra mulher.

Os professores ressaltaram que o ato educativo é compartilhado entre família e escola, e que a família é o primeiro local de educação e ética.

Alunos e professores da sede do município e de vilas pertencentes a Tailândia também compareceram.

Veja a galeria de fotos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *