(Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)
(Foto: Reprodução)

O Facebook anunciou que cobrará de anunciantes na rede social somente quando os usuários realmente visualizarem o conteúdo. Pode parecer uma ideia redundante, mas atualmente a publicidade é cobrada mesmo quando fica em locais onde é dificilmente o usuário chega, como a parte final de uma página.

“Medimos uma impressão de anúncio no momento que ele entra na tela de um navegador de desktop ou aplicativo móvel”, afirma a rede em um post em seu blog. “Se um anúncio não entra na tela, essa não será contada como uma impressão.”

Brad Smallwood, vice-presidente de mensuração e percepções do Facebook, afirmou que a estratégia já é utilizada no Facebook e no Instagram há algum tempo. Quando questionado sobre por que ela foi divulgada somente agora, o executivo afirma que essa é uma tentativa da empresa de empurrar a indústria para este conceito.

Publicidade mais valiosa

A iniciativa pode também tornar a publicidade na rede social mais valiosa, uma vez que o anunciante tem certeza de que seu conteúdo será visualizado pelo público. Para o Facebook a estratégia é bastante interessante. Os anúncios veiculados no Feed de Notícias são vistos à medida que o usuário desce a tela, mesmo que não interaja com a publicidade, a pessoa visualiza o conteúdo.

O post destaca ainda que uma série de parceiros está trabalhando no projeto, como o Media Rating Concil, que estabelece as normas de medição de anúncios e agências de publicidade.

Via Facebook e Tech Crunch

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *