…apenas 5% tencionam mudar para Windows 8.

xp-fim-linux-opcao

Com o fim do suporte ao Windows XP marcado para o próximo dia 8 de Abril, é cada vez mais urgente a migração para uma plataforma mais atual, especialmente com suporte. Caso contrário, fica em causa  a segurança dos dados e os custos de manutenção dessa plataforma.

Mas será que o Linux é o caminho a seguir? Muitas organizações dizem que sim.

Como é sabido, após o dia 8 de Abril de 2014, a assistência técnica para o Windows XP deixará de estar disponível, incluindo as atualizações automáticas que ajudam a proteger o sistema. Esta decisão da Microsoft tem levado muitas empresas a avaliar alternativas…e o Linux pode ganhar ainda mais terreno neste processo de transição.

Para se ter uma estimativa do que acontecerá depois do dia 8 de Abril, a TechProResearch decidiu elaborar um estudo para descobrir qual será o futuro do XP nas organizações e chegou a algumas conclusões curiosas. No total, a Tech Pro Research recolheu 641 opiniões para os seguintes tópicos:

  • Planos para quando o suporte ao XP terminar
  • Razões para se manterem com o Windows XP
  • Razões para deixar o Windows XP
  • Planos para os Desktops
Planos para as máquinas que correm Windows XP

Segundo o estudo, 37% dos entrevistados vai manter-se com o Windows XP, mas sabendo que este deixará de ter suporte. 38% vão fazer um upgrade para o Windows 7 e apenas 5% pensam passar para o Windows 8/8.1

O estudo mostra também que 11% vão mudar para Linux, ou seja mais do dobro das que vão mudar para Windows 8/8.1.

windows_xp-linux-grafico

Motivos para ficar no Windows XP

Segundo o estudo, os motivos para manter as máquinas com Windows XP são:

  • Custo
  • Software critico, que necessita do Windows XP
  • “Mentalidade”

De referir que a maioria dos entrevistados respondeu algo do tipo quando questionado sobre os motivos para ficar no Windows XP “…Se funciona…porque mudar?”

[divide style=”2″]

Via, PPLWARE

Para acompanhar mais notícias de Tailândia, Curta o  Portal Tailândia no Facebook facebook.com/portaltailandia.com.br. Siga também o Portal Tailândia no Twitter e por RSS.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.