Foto Cleyton Rogerio

O prefeito de Tailândia, Paulo Liberte Jasper (Macarrão) reforçou o pedido à moradores do município a tomarem a vacina contra a Covid-19. Em áudio que circula em carro som pelas ruas da cidade, “Macarrão” convoca as pessoas a tomarem a segunda e terceira dose, especialmente as que estão atrasadas.

“Macarrão” alerta para a importância da vacinação, principalmente da segunda dose. Qualquer pessoa que já tomou precisa reforçar com uma terceira dose. Além da vacinação, deve-se continuar o uso de máscara e a higienização com álcool a 70%.

De acordo com vacinômetro do Governo do Estado, mais de 50% da população do município já recebeu uma dose de vacina, por isso é importante para procurar o AME e completar as doses recomendadas.

Neste sábado (4), a Secretaria de Saúde informou que a aplicação da vacina estará acontecendo no Ambulatório Médico de Especialidades (AME), até as 17h.

Além do AME, a vacina também é oferecida para a população através da Carreta da Saúde, principalmente nas vilas mais distantes da cidade.

Nova Variante Omicron

A nova mutação do vírus foi detectada no continente Africano, a principal causa para o surgimento da nova variante do novo coronovírus seria a dificuldade de envio da vacina para o continente.

Uma 4ª onda da pandemia pode afetar, principalmente, pessoas que não se imunizaram, segundo especialistas. Embora quem tenha tomado a vacina não esteja imune a infecção, mas a impactados maiores do vírus no organismo.

Vacinas

Oxford/AstraZeneca

A Universidade de Oxford afirmou que não “há evidências de que as vacinas não possam prevenir casos graves de Covid-19 causados pela Ômicron” e acrescentou que está pronta para desenvolver rapidamente uma versão atualizada da vacina AstraZeneca caso seja necessário.

Pfizer/BioNTech

A vacina da Pfizer-BioNTech provavelmente oferece proteção contra casos graves da variante Ômicron, de acordo com Ugur Sahin, presidente-executivo da BioNTech.

Moderna

A Moderna pode ter uma dose de reforço contra a Covid-19, visando o combate à variante Ômicron, testada e pronta para solicitar autorização nos EUA em março, disse o presidente da empresa, Stephen Hoge, nesta quarta-feira (1º).

Novavax

A Novavax começou a trabalhar em uma nova versão da vacina contra a Covid-19, tendo como alvo a variante Ômicron. A farmacêutica afirmou que o imunizante estaria pronto para iniciar os testes nas próximas semanas. A vacina contém proteína spike desenvolvida com base na sequência genética da Ômicron — uma versão da proteína que ativaria o sistema imune sem causar a doença.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.