Foto: Portal Tailândia

Um jovem de 20 anos foi preso nesta quinta-feira (18), em Tailândia, nordeste do Pará, acusado de estuprar uma mulher na noite de quarta-feira. A prisão aconteceu em flagrante. O acusado confessou o crime e disse que estava decepcionado com a prova da polícia.

LEIA TAMBEM

Matheus dos Santos, 20 anos de idade, foi preso após ser reconhecido pela vítima na sala de reconhecimento da delegacia de Tailândia. O acusado tinha procurado a delegacia mais cedo para relatar que tinha sido vítima de roubo e que sua moto teria sido levada. A moto é a mesma que foi abandonada próximo ao galpão que a mulher sofreu a tentativa de estupro.

Segundo o delegado João Bosco, a vítima tinha repassado à polícia características que batiam com as de Matheus; moreno, estatura baixa e sobrancelhas largas. Diante da informações, os investigadores foram até a casa dele, lá os policiais encontraram a mochila, as vestimentas que ele usava na noite do crime, o cordão mencionado pela vítima e uma arma de plástico, utilizada para ameaçar a mulher.

Todo esse material serviu para os policiais fizerem a detenção do suspeito até o reconhecimento da vítima.

Após ser reconhecido, Matheus confessou ao delegado a autoria do crime.

Ainda de acordo com o delegado, o jovem confessou outro crime, o roubo de um aparelho celular, dois dias antes de tentar manter relações sexuais forçada com a mulher.

A vítima contou que ele ameaçava matá-la a todo momento; “Ele ameaçou me matar, caso chamasse por socorro”, afirmou a mulher.

Matheus vai responder por estupro consumado. O delegado plantonista ressalta que mesmo não havendo penetração, o acusado apalpou a vítima nas partes íntimas e isso caracteriza estupro.

Agora, ao invés de força e honra, Matheus vai ter que se acostumar ao ver o sol nascer quadrado nos próximos dias. Ele já está a disposição da Justiça, no Módulo Carcerário de Tailândia.

Cleyton Rogerio – Portal Tailândia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *