Sebastião Silva Neto. (Foto: Rádio Aliança FM)
Sebastião Silva Neto. (Foto: Rádio Aliança FM)
Sebastião Silva Neto. (Foto: Rádio Aliança FM)

Na manhã do último domingo (27), Tailândia amanheceu mais bonita, cavaleiros e amazonas surgiam de todas as partes exibindo lindos animais, muitas pessoas não entendiam muito bem o que estava acontecendo, mas observavam com atenção.

No ano de 2000 um grupo de amigos que tinha à frente Joaquim Silva, iniciava em Tailândia a primeira cavalgada entre amigos, que contava com apenas 07 pessoas montadas, o objetivo inicial era passear de cavalo e se confraternizar com os amigos. Geralmente eles saiam da sede do município em direção às fazendas, em cada passeio o grupo visitava uma propriedade diferente e na chegada eram sempre recebidos com churrasco. Na medida em que o tempo foi passando a cavalgada foi ganhado mais adeptos e cresceu muito ao longo dos anos.

Com o inverno que sempre traz fortes chuvas que castigam muito nossas vicinais, a ida dos cavaleiros rumo as fazendas traria muito sofrimento aos animais, pensando nisso, os organizadores do evento decidiram fazer um passeio pela cidade, partindo da Praça da Prefeitura no Bairro Centro, atravessando quase toda extensão da Avenida Natal e chegando até o parque de exposições, onde o velho churrasco estava sempre pronto a espera dos participantes.

Depois da morte de Joaquim Silva o evento esfriou e os participantes ficaram um pouco desanimados, mas os filhos dele passaram a ajudar na organização do evento e a cavalgada ganhou força novamente. “Eu me sinto lisonjeado, ajudando a preservar essa cultura que mantém uma tradição aqui em Tailândia” disse  Sebastião Barbosa da Silva Neto, filho de Joaquim Silva.

O comerciante de gado Arnildo Souza conhecido como “Dil” é quem está a frente da cavalgada, e ele ressalta,  “Além da cultura e da tradição o evento traz o homem do campo para a cidade juntamente com seus melhores animais, e ajudam a aquecer as vendas do comércio gerando renda”.

"Dil", atual organizador da Cavalgada de Tailândia. (Foto: Rádio Aliança FM)
“Dil”, atual organizador da Cavalgada de Tailândia. (Foto: Rádio Aliança FM)

Marta Vasconcelos é uma dessas comerciantes que acompanham a cavalgada desde o início, vendendo bebidas para os participantes e ela afirma “a princípio o objetivo era suprir a necessidade de saciar a cede dos participantes, mas agora não posso reclamar dos lucros.”

Comerciantes na cavalgada. (Foto: Rádio Aliança FM)
Comerciantes na cavalgada. (Foto: Rádio Aliança FM)

Essa cavalgada é um evento para família, é fácil identificar crianças e muitos jovens entre os cavaleiros, eles são o futuro desse evento, e que como vimos o exemplo de Sebastião Silva Neto as pessoas se vão, mas as suas ações permanecem através de seus filhos.

Cavalgada é evento familiar. (Foto: Rádio Aliança FM)
Cavalgada é evento familiar. (Foto: Rádio Aliança FM)

 

 

Texto: Rádio Aliança FM – Adaptação: Portal Tailândia

Para acompanhar mais notícias sobre Tailândia, Curta o Portal Tailândia no Facebook facebook.com/portaltailandia.com.br. Siga também o Portal Tailândia no Twitter e por RSS.

Comentário
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.