Um foragido do Sistema Penal foi recapturado pela guarnição do Grupamento Tático Operacional (GTO) em Tailândia, nordeste de Pará, no início da tarde desta quarta-feira (2) após denúncia anônima. A guarnição comandada pelo sargento Henrique.

Rildon Melo de Matos era considerado foragido após ser colocado sob vigilância eletrônica pelo Judiciário. No entanto, Rildon quebrou a pulseira de vigilância e a enviou de volta à Secretaria de Administração Penitenciária (Seap).

Em 2014, ele foi acusado de matar com um tiro nas costas Mateus da Silva Melo. O crime ocorreu no bairro vila Macarrão. Mateus foi morto por engano, segundo o acusado. Rildon também já foi preso por roubo.

Ele que não quis gravar entrevista, disse que atirou em um homem com quem teve uma confusão dias antes do crime, mas atingiu Mateus. Rildon disse ainda que havia emprestado uma arma calibre 12, ao desafeto e que esse não a devolveu, por isso planejou a morte dele.

Comentário
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.