Prefeito Ney da Saúde discursa durante o evento. (Foto: Otoniel Oliveira Ascom/PMT)
Prefeito Ney da Saúde discursa durante o evento. (Foto: Otoniel Oliveira Ascom/PMT)
Prefeito Ney da Saúde discursa durante o evento. (Foto: Otoniel Oliveira Ascom/PMT)

Aconteceu na manhã desta quarta-feira, 23, no auditório da Escola de Educação Tecnológica do Pará (EETEPA), a cerimônia de certificação de 90 profissionais que realizaram o curso Especializado para Mototaxista.

O curso foi viabilizado por uma parceria entre a Prefeitura Municipal de Tailândia, Governo do Estado, através da Secretaria de Estado de Assistência Social Trabalho (SEASTER), Emprego e Renda, Sindicato dos Mototaxistas do Pará e o Serviço Social do Transporte e o Serviço Nacional de Aprendizagem de Transporte (Sest/Senat).

Na ocasião, estiveram presentes várias autoridades, o representante do Sindicato dos Mototaxistas, Maurício Pereira, Jean Pierre, representando o SEST/SENAT, alguns vereadores, dentre eles o presidente da Câmara Queimado, secretários municipais, o prefeito Ney da Saúde e o Secretário Adjunto da Secretaria de Estado de Assistência Social Trabalho, Emprego e Renda, Everson Costa.

“O evento de hoje brinda uma parceria muito forte através do Governador do Estado, Dr. Simão Jatene e do prefeito Ney, na qual vários esforços foram reunidos e a SEASTER, junto com os demais órgãos municipais e a categoria mobilizada, tivemos a oportunidade de estar fazendo a cerificação de noventa mototaxistas”, enfatizou Everson Costa.

Vagner da Conceição, aluno do curso e mototaxista, agradeceu pelo apoio do prefeito e destacou: “o curso foi de grande valia, pois veio somar com nosso conhecimento prático, hoje o mototaxista evoluiu e somos reconhecidos como profissionais, agora somos uma categoria forte e organizada.

O prefeito Ney da Saúde destacou a importância que a qualificação profissional tem recebido em seu governo. “Sempre foi uma preocupação da nossa gestão qualificar mão-de-obra local, pois o profissional qualificado oferece um serviço de qualidade para a população”.

A capacitação que é obrigatória para mototaxistas e motofretistas, foi estabelecida pela Resolução 350/2010, do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) e teve carga horária de 30 horas/aula.

O objetivo do curso é capacitar a categoria na área de educação para o trânsito, difundir informações e padronizar ações que garantam a segurança no trânsito para condutores e passageiros. Como entidade o Estado do Pará foi o primeiro estado a regulamentar o curso de mototaxista.

Comentário
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *