Era por volta das 4h da madrugada de domingo (04), quando a Polícia Civil foi acionada para atender uma ocorrência no residencial jardim Primavera, em Tailândia, nordeste do paraense.

Ao chegar no local, os investigadores constataram a morte de Elizangela Ferreira Melo, de 33 anos.

Elizangela tinha várias passagens por furto e roubo (foto: reprodução)

De acordo com relato, Elizangela dormia em uma área lateral à casa onde estava, no Jardim Primavera, quando foi surpreendida com pauladas e pelo menos um disparo de arma de fogo. Testemunhas teriam ouvido a vítima implorar pela vida antes de morrer.

Antes de sair da casa, os executores teriam levado dois telefones celulares e uma TV.

No dia 21 do mês passado, Elizangela havia sido presa pela Polícia Militar, acusada de invadir uma residência e furtar dois telefones celulares. Na tarde do dia seguinte, após passar por audiência de custódia, Elizangela foi liberada pela justiça, pelo entendimento de que o crime não teria sido cometido mediante violência.

A jovem que segundo a polícia era viciada em drogas, já tinha várias passagens pela delegacia pelos crimes de roubo e furto, o que dificulta o trabalho de investigação, já que Elizangela deixou várias vítimas pela cidade.

A Polícia Civil investiga o assassinato.

Comentário
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *