A Polícia Civil prendeu nesta quinta-feira(29), Alex Carneiro dos Reis Borges de 33 anos, acusado de acusado de torturar a ex-namorada no município de São Miguel do Guamá, nordeste paraense.

O acusado estava escondido na casa de familiares em Belém. Alex estava sendo monitorado por agente da delegacia onde ocorreu o crime. Agora ele irá responder pelos crimes de de estupro, cárcere privado, lesão corporal no âmbito familiar, ameaça, danos e injúria.

Alex já foi transferido para a Superintendência Regional do Baixo Tocantins, onde está sendo interrogado e ficará à disposição da justiça. 

 Relembre o caso

Na última sexta-feira (23), Alex Carneiro dos Reis Borges, de 33 anos, torturou e abusou sexualmente da ex-namorada durante três horas. O crime ocorreu na clínica de estética da vítima. O acusado esperou o último cliente do estabelecimento ir embora para praticar a série de violências, das 19h às 22h.

Durante o tempo em que ficou sozinho com a ex-companheira, o agressor destruiu toda a clínica de estética dela e casou um prejuízo entre R$ 15 e R$ 20 mil à jovem de 29 anos. As agressões ocorriam de forma alternada. O agressor batia, sufocava e xingava e vítima e depois continuava destruindo a clínica de estética. Ele não aceitava o término do relacionamento.

Somados aos ataques de raiva, Alex também resolveu atacar de modo mais incisivo a autoestima da vítima: cortando-lhe os longos cabelos ruivos com o auxílio de uma faca que portava. Após os crimes, o homem ainda teria violentado sexualmente a vítima antes de fugir.

Fonte: O Liberal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *