A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira (17) a operação “BYAKUGAN” no município de Altamira, com o objetivo de evitar usuários da internet partam da visualização de imagens para efetiva prática sexual com crianças e adolescentes.

Outro destaque da ação é localizar arquivos digitais compartilhados na Deepweb e em outros espaços virtuais, palco de atividades ilegais, em que os criminosos se valem do falso anonimato para exibir, acessar e compartilhar imagens de abuso sexual infantil.

A Justiça Federal de Altamira expediu mandado de busca e apreensão para identificar a pessoa responsável por armazenar e compartilhar conteúdo de pornografia infantil. 

Durante o cumprimento de mandado de busca e apreensão, um dos investigados foi preso em flagrante.

O crime em investigação tem previsão no Estatuto da Criança e do Adolescente, Art. 241-A e 241-B, com o somatório das penas, podendo alcançar o patamar de 10 anos de reclusão e multa, além do eventual delito de organização criminosa.

Byakugan faz alusão a um desenho animado, com significado “olho branco que tudo vê”, dessa forma, o silogismo do nome faz referência à falsa sensação de anonimato das pessoas quando se conecta a internet.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *