Crédito: Reprodução/ Portal Correio dos Carajás

Nesta sexta-feira, 22, um homem conhecido como José Ribeiro de Cristo, de 64 anos, desapareceu após se jogar da ponte sobre o Rio Itacaiúnas, em Marabá. O Corpo de Bombeiros tenta resgatar o corpo da vítima, que até o momento não foi encontrado. 

Assista:

Reprodução/ Correio dos Carajás

O idoso se desequilibrou, caiu e foi filmado com o próprio celular, que estava nas mãos da sobrinha, que testemunhou o ocorrido. José se colocou em situação arriscada ao jogar o corpo para fora da ponte e ainda brincou sobre a possibilidade de cair. Segundos depois, ele acabou despencando e sumindo nas águas.

Na filmagem é possível ouvir quando Nailda dos Santos, de 50 anos, sobrinha de José, ainda o adverte sobre o perigo em que estava se colocando, mas ao sentir segurança nele, ela exalta o feito da posição em que ele estava pendurado.

José é natural de Rio Branco do Sul (PR), aposentado, e estava em Marabá a pretexto de comprar uma casa para onde se mudaria. Mas após a mulher se recusar vir com ele, o mesmo foi para a cidade sozinho.

Ao passar pela ponte com a sobrinha, conduzidos em um veículo Uber, ele pediu ao motorista que parasse para que fizesse umas fotos, maravilhado com o Rio Itacaiúnas. Foi José quem ligou a câmera e entregou na mão de Nailda, pedindo que ela o filmasse. De repente, o homem tomou a atitude inadvertida que decretou o seu destino.

A reportagem do Portal Correio do Carajás chegou ao local e a sobrinha informou que ainda viu o tio nadando alguns metros antes de sumir. 

Por: Correio dos Carajás

Comentário
  1. Foi nitidamente um Suicídio premeditado dele, parou.. pediu para sobrinha filmar, olhou o melhor ângulo da ponte, entrou do outro lado da barreira, fingiu que escorregou..a sobrinha foi ajudar e ele pediu várias vezes para soltar ele.
    Ele na verdade queria se suicidar, mas quis fazer de conta perante filmagem que tinha sido um acidente.

    Ele como vi na reportagem queria se mudar pra lá com a esposa( algo não estava deixando ele feliz onde morava) e sair de lá foi a saída que ele encontrou.
    Mas a esposa se negou a ir morar lá… vendo todos os planos indo por agua abaixo, em ato de desespero e vingança contra esposa( pois é assim que um suicida pensa) se jogou da ponte e colocou um fim em tudo..

    Triste realidade do nosso mundo..
    A depressão acompanhada do suicídio, vem matando mais que o câncer hoje em dia. As mídias não podem ficar divulgando.. mas façam vocês mesmo uma pesquisa entre seu círculo de amigos e família.. Vejam quantos tem depressão..

    Procure sempre ajudar, estar presente e dar um minuto de seu tempo a quem tem depressão, só escute… não julgue.. não critique, só estenda sua mão e diga, estou com você.. conte comigo..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *