Um homem foi morto e outros três foram presos em flagrante por pose ilegal de arma de fogo, nesta quinta-feira (13), durante operação “Volver” deflagrada pelas polícias Civil e Militar de Rurópolis, sudoeste do Pará, em combate ao tráfico de drogas e facções criminosas no município.

Edovaldo Lima de Almeida, 46 anos, conhecido como “Aleijadinho”, era natural de Santarém. Segundo a polícia, ele estava de posse de arma de fogo e droga do tipo cocaína quando aconteceu a abordagem. Edovaldo teria resistido à prisão, foi ferido à bala e não resistiu aos ferimentos.

De acordo com o delegado de Polícia Civil de Rurópolis, Ariosnaldo Vital Filho, um inquérito policial será aberto para apurar o crime de resistência com resultado morte por intervenção policial.

Na operação foram presos em flagrante por posse ilegal de arma de fogo: Edilberto Pereira Cuz, 49 anos, conhecido como Braço, natural do estado do Piauí; José Raimundo Lopes, 67 anos, agricultor, natural de Arari, estado do Maranhão; e Geremias Oliveira Camacuri, 19 anos, natural de Placas, sem profissão definida.

Com Edilberto, os policiais encontraram uma arma de fogo e munições. Geremias portava uma escopeta artesanal e meio “tijolo” de maconha que estava escondido em um dos cômodos da casa onde ele morava.

Batizada de “Volver”, que significa retomada fazendo alusão ao controle das forças de segurança pública na circunscrição de Rurópolis no combate ao crime.

Ao todo, 49 policiais entre civis e militares da 17ª CIPM e GTO participaram da operação, sob o comando do delegado de Rurópolis Ariosnaldo Vital Filho, superintendente de Polícia Civil do Tapajós delegado Vicente Gomes e tenente PM Jair Nunes Alves.

Por G1 Santarém

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *