Servidores da Secretaria da Fazenda do Pará apreenderam, na segunda-feira (28), 30 toneladas de açaí, em Dom Eliseu (Divulgação/Agência Pará)

Servidores da Secretaria da Fazenda do Pará (Sefa) apreenderam, na segunda-feira (28), 30 toneladas de açaí, que estavam saindo do Estado sem nota fiscal. A apreensão foi feita pelos servidores lotados na unidade de Coordenação de Mercadorias em Trânsito do Itinga, na BR-010, em Dom Eliseu, na divisa com o Estado do Maranhão.

A carreta transportadora vinha de Ananindeua, na Região Metropolitana de Belém (RMB), com os 30 mil quilos de polpa de açaí médio congelado para exportação, no valor de R$ 240 mil. O documento fiscal apresentado não tinha o destaque do imposto, sob a alegação de que a carga, supostamente, iria ser armazenada em depósito localizado em Belo Horizonte (MG), informou o coordenador da unidade fazendária do Itinga, Roberto Mota.

Os fiscais consultaram os cadastros fiscais e constataram que, entre as atividades comerciais do destinatário, não havia a função de armazenamento. “Ou seja, a empresa estava fazendo venda e usando o argumento de envio para armazém, com a finalidade de não pagar o imposto estadual”, disse o coordenador do Itinga.

Foi lavrado o Termo de Apreensão e Depósito (TAD), no valor de R$ 51,840 mil, referente ao ICMS e multa, que foi recolhido e a mercadoria liberada para prosseguir viagem.

Por: O Liberal

 

Comentário
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.