Quem está pensando em viajar e precisa tirar o passaporte tem que ficar atento para as exigências e prazos e não correr o risco de não conseguir o documento a tempo da viagem. O procedimento é simples e é possível até mesmo agendar a hora de atendimento para pedir o passaporte.

O primeiro passo é fazer o agendamento pela internet, no site da Polícia Federal (PF). Há um link específico para pedir o documento e preencher o formulário com todos os dados pessoais. Após o envio, é preciso imprimir o formulário e o boleto de pagamento da taxa de serviço, no valor de R$156,07.

Segundo Ana Leite, responsável pelo setor de emissão de passaportes da Polícia Federal (PF), em Belém, é possível escolher a data e hora de atendimento na sede da PF, de acordo com a disponibilidade. Após esse processo, a pessoa deve comparecer no local munida dos seguintes documentos: carteira de identidade, CPF, título de eleitor, comprovante de que votou na última eleição e certificado militar (se for do sexo masculino). Se a pessoa for menor de 18 anos, é necessária a presença dos pais com a identidade e o menor com certidão de nascimento.

A foto do passaporte é feita na sede da PF, assim como a conferência dos dados pessoais. Também é realizada a coleta de dados biométricos (impressões digitais). O documento fica pronto, em média, no prazo de seis dias úteis e a retirada do passaporte também tem dia e horário marcados.

Caso não possa comparecer no dia agendado, a pessoa pode pedir o cancelamento e agendar uma nova data. “A pessoa tem até 90 dias válidos, depois disso é preciso fazer um novo cadastro”, explica Ana. O pagamento do valor da taxa é válido por cinco anos.

Quem precisa tirar o passaporte com urgência pode procurar o posto da PF e verificar se é possível conseguir atendimento para o mesmo dia. No local também há um terminal de autoatendimento para quem precisar de acesso à internet para preencher o formulário.

 

 

Diário do Pará

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.