O processo de reintegração de posso na Fazenda Santa Teresa, em Marabá, sudeste paraense, foi concluído na tarde desta sexta-feira (15). A ação, destinada ao cumprimento de mandado expedido pelo juiz da 3º Região Agrária de Marabá, Amarildo José Mazutti, terminou de forma pacífica e sem qualquer registro de tumulto. O local estava sendo ocupado por 150 famílias desde 2014.

A operação de reintegração de posse mobilizou 60 homens do Comando de Missões Especiais e contou com o apoio do Grupamento Aéreo de Segurança Pública (Graesp), Corpo de Bombeiros, Polícia Civil, Centro de Perícias Científicas ‘Renato Chaves’ e Tribunal de Justiça do Estado.

A Fazenda Santa Teresa havia sido ocupada em junho de 2014. O terreno de 545 alqueires, reintegrado, foi entregue à representante da fazenda, Aparecida Fonseca. “Isso representa uma vitória. Passamos por tanta coisa ruim até chegar aqui, que ver tudo resolvido é um alívio. Não queremos conflito, queremos somente que se faça cumprir a lei. Estamos felizes com a decisão da Justiça”.

Na noite da quinta-feira, quatro guarnições da Companhia Independente de Operações Especiais e do Batalhão de Polícia Tática passaram a noite na fazenda para resguardar a segurança das pessoas que ainda ocupavam o terreno.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *