Os irmãos eram conhecidos e moravam na mesma comunidade que a vítima (Reprodução)

A Polícia Civil prendeu, nesta segunda-feira (10), dois irmãos, identificados como Max e Moisés, acusados de assassinar o mototaxista Lucivaldo Santana da Silva, de 63 anos, com golpes de terçado, na localidade conhecida como Ramal da Bacabeira, no Distrito de Mosqueiro, em Belém. As prisões foram feitas horas após o cometimento do crime, que chocou os moradores da comunidade pela violência.

Os irmãos eram conhecidos e moravam na mesma comunidade. Testemunhas disseram à polícia que a dupla foi vista bebendo com a vítima horas antes do assassinato. O crime teria acontecido após o mototaxista ter prestado seu serviço aos acusados.

Algumas horas depois de o corpo ter sido achado, a polícia, através do delegado Heitor Magno, fez buscas e em poucas horas conseguiu localizar um dos assassinos que, na delegacia, confessou o crime e disse que teve ajuda do irmão.

Eles disseram em depoimento que tinham o objetivo de roubar a moto do idoso. O veículo, no entanto, estava no local, próximo ao corpo da vítima. Depois do procedimento padrão, realizado após as prisões, os dois foram encaminhados ao sistema penal.Irmãos disseram à polícia que mataram a vítima para roubar sua motocicleta. O veículo, no entanto, estava no local, próximo ao corpo. Já os pertences da vítima foram levadosIrmãos disseram à polícia que mataram a vítima para roubar sua motocicleta. O veículo, no entanto, estava no local, próximo ao corpo. Já os pertences da vítima foram levados (Akira Onuma/ O Liberal)

O crime

Lucivaldo Santana da Silva foi morto com golpes de terçado no início da manhã desta segunda-feira (10), na localidade conhecida como Ramal da Bacabeira, no Distrito de Mosqueiro, em Belém.

O corpo de Lucivaldo foi encontrado por outro mototaxista, por volta das 6h30. A Polícia Militar (PM) informou que uma pessoa, que pode estar envolvida no crime, solicitou uma corrida com a vítima. 

Quando o mototaxista voltava com o suposto passageiro pelo Ramal da Bacabeira, foi surpreendido pelos algozes, que o abordaram e desferiram vários golpes de terçado contra ele. Lucivaldo morreu na hora, sem chance de socorro.

Por:  Portal Ver-o-Fato

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *