(Foto: Denny Cesare/Estadão)

Um homem foi preso após tentar vender sobrinha para abusadores russos. A operação “Black Dolphin” foi deflagrada nesta quarta-feira (25) pela Polícia Federal em conjunto com a Polícia Civil de São Paulo e resultou na prisão de mais 54 pessoas. A ação de combate à pedofilia ocorreu também nas cidade de Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Rio de Janeiro. Na ação, mais de 200 mandados de busca e apreensão foram cumpridos.

De acordo com o R7, um dos suspeitos pretendia levar sua sobrinha para a Disney e vendê-la para abusadores estrangeiros, alegando que ela tivesse desaparecido no parque. Após essa prisão, os policiais descobriram uma organização criminosa que produzia e vendia material de pornografia infantil. As investigações apuram possíveis sequestros e tráfico de crianças.

As investigações iniciaram em 2018 ao descobrirem o envolvimento do tio na rede de prostituição internacional.

Por: Portal do Holanda

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *