Reprodução/ Portal R7

Muita gente pode estar perdendo a chance de garantir uma grana extra neste ano. Entre fevereiro e março, o governo federal liberou o abono salarial PIS/Pasep referente ao ano-base 2020 para mais de 24 milhões de trabalhadores de todo o país.

Segundo dados divulgados pelo Ministério do Trabalho e Previdência, mais de 561 mil cidadãos ainda não resgataram até um salário mínimo de benefício. O número representa apenas 2% dos que têm direito, mas é suficiente para totalizar R$ 523,2 milhões “esquecidos”.

Entre os que ainda não sacaram estão funcionários de empresas privadas e servidores públicos, mas o segundo grupo tem mais representantes. Confira os números detalhados:

  • R$ 133,4 milhões em abono PIS esquecidos por 157.575 pessoas; e
  • R$ 389,8 milhões em abonos Pasep esquecidos por 403.498 pessoas.

Público do abono salarial

O benefício é pago apenas a quem cumpre todos os requisitos abaixo:

  • Ter inscrição no PIS/Pasep há no mínimo cinco anos;
  • Ter recebido remuneração média mensal de até dois salários mínimos no ano-base;
  • Ter trabalhado com carteira assinada por pelo menos 30 dias, consecutivos ou não, no ano-base;
  • Estar com as informações atualizadas corretamente pelos empregadores na Relação Anual de Informações Sociais (Rais)/eSocial.

Como mencionado, os pagamentos ocorridos em 2022 são referentes ao ano-base 2020. Por isso, as regras mencionadas acima se aplicam ao período trabalhado naquele ano.

Consulta e saque do abono PIS/Pasep

A Caixa Econômica Federal é o banco responsável pelo repasse do PIS aos funcionários da iniciativa privada. Já o Banco do Brasil cuida da liberação do Pasep para os servidores públicos.

Antes de mais nada, o trabalhador pode consultar o valor do benefício pelo aplicativo Carteira de Trabalho Digital ou pelo telefone da central Alô Trabalhador, no número 158. Outra opção é entrar em contato com os bancos pagadores para consultar mais informações.

Em ambos os casos, a retirada deve ser feita nas agências bancárias, com opção de resgate via aplicativo Caixa Tem no caso do PIS. O prazo para retirar o dinheiro vai até o dia 29 de dezembro de 2022.

Por: Portal R7

Comentário
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.