Com cerca de 12 milhões de pessoas produzindo conteúdo, o Brasil é o segundo país em número de blogs

 

Em todo o mundo, são mais de 100 milhões de blogs ativos na internet. A jornalista Marina Fuentes é responsável por um deles. Sua história online começou quando ela trabalhava na seção de gastronomia do jornal Folha de São Paulo. Em um determinado momento, Marina decidiu recorrer à plataforma para aproveitar toda a informação que apurava durante o trabalho. Claro, como não havia espaço para publicar tudo no jornal; a saída foi mesmo criar um blog…

Ainda que o seu blog não traga dinheiro diretamente, hoje a publicação faz parte da sua profissão. O “La Movida” virou uma coluna em um dos portais de gastronomia mais conceituados do país. Indiretamente, o blog serve como referência para outros trabalhos; uma espécie de portfólio – e isso, sim, traz dinheiro para o bolso dela.

“É totalmente autoral, você que faz as regras. Ao invés de fazer o lead e ir direto ao assunto, eu aproveito o blog para fazer introduções gigantes e tudo o que o jornalismo não permite muito. Marina Fuentes, jornalista e dona do blog La Movida.

No meio jornalístico, o blog surgiu como um espaço neutro onde qualquer um pudesse opinar livremente. A princípio, uma das principais características dos blogs era ser uma mídia totalmente independente. Na China, por exemplo, onde a imprensa sempre foi controlada pelo governo, os blogs serviram de alternativa para não calar o país. Por outro lado, sem saber o que fazer para tornar a atividade rentável e até por inexperiência, muitos blogueiros começaram a aceitar convites e presente em troca de publicações. Sendo mais direto, muitos blogueiros foram comprados para publicar algo de interesse de alguma marca ou companhia.

Tanto isso é verdade que recentemente, na gigante batalha por quebra de patentes entre Google e Oracle, a justiça norte-americana determinou que as empresas revelassem os nomes de jornalistas, blogueiros e comentaristas que podem constar das folhas de pagamento das companhias. A preocupação é com a possibilidade de qualquer uma das empresas ter subornado pessoas para publicar comentários sobre o caso.

Edney começou a ganhar dinheiro com blogs há mais de 10 anos. Em 2007, ele criou a primeira rede profissionais de blogs, oferecendo assessoria tecnológica e publicitária para alguns canais. Ele concorda que nem todo mundo tem ética para saber usar uma mídia livre como o blog. Mas acredita que há espaço para qualquer que queira profissionalizar a atividade.

“Na verdade o que o blog permitiu é que você criasse uma revista ou jornal com custo praticamente zero. Você só precisa talento para escrever e capacidade de criar um projeto editorial. No blog, a pessoa tem condições de desenvolver um veículo com investimento mínimo”, comenta Edney Souza, vice-presidente da Boo-Box.

Algumas dicas são preciosas se você tiver a pretensão de criar ou transformar o seu blog em profissão. A primeira e talvez mais relevante é ser único; autêntico e – ao mesmo tempo –escrever sobre um determinado assunto e não ser tão genérico.

Edney Souza, vice-presidente da Boo-Box ((13’55” até 14’16”))

Marina Fuentes, jornalista / La Movida ((23’08” até 23’18”))

Normalmente, quando um blog se torna realmente popular e tem um segmento de nicho, os próprios anunciantes demonstram interesse em anunciar naquela página. Mas, mesmo antes disso, é possível começar a experimentar sistemas de monetização com anúncios como os do Google, por exemplo.

“Você tem que ter um media kit pra dizer qual audiência que você tem, contar um pouco de você e sobre o blog, como categorias especiais e dias que vocês escreve e dar uma ideia de quanto custa a publicidade”, sugere Edney.

Como dissemos há pouco, há espaço para todo mundo, basta definir uma estratégia e ser autêntico. E você pode começar como qualquer outro empreendimento; se dedica aos poucos, sem grandes investimentos, e pode totalmente transformar suas publicações em uma profissão; a profissão blogueiro.

Se você quiser conhecer o portal de blogs do Edney ou ainda as dicas de gastronomia da Marina, acesseos links abaixo. Vale a pena conferir. Aproveite para deixar sua opinião sobre o assunto. Ou, se tiver um blog, conte como faz para manter a publicação ativa. Acesse e participe.

Portal Tailândia | Blog | Ganhar dinheiro

Links da matéria

Interney  La Movida

 

olhar digital

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.