Reprodução/ O Liberal

A Polícia MIlitar confirmou na tarde de hoje (29) a denúncia feita por um homem que deu entrada no Hospital Regional José Mendes, em Itacoatiara (AM), relatando ter sobrevivido a uma chacina ocorrida na noite da última quarta-feira (28), em um sítio localizado na zona rural do município, onde teriam sido mortas outras quatro pessoas.

Os corpos foram encontrados por policiais do 2º Batalhão da PM empilhados em uma cova rasa. Três vítimas foram enforcadas e uma foi morta com golpes de terçado.

No local, também foram encontrados materiais que seriam usados em um laboratório de drogas e, no chão, foi descoberto um buraco que, segundo a polícia, seria usado como um depósito para guardar o material. “Eles cobriam, jogavam terra em cima e grama, possivelmente para despistar. Também foram encontradas sacas de fibra, que estavam próximo ao depósito, realmente tudo indica que aquilo seria para embalar algum material ilícito”, contou o tenente-coronel Beckman, comandante do 2º Batalhão PM.

Duas das vítimas mortas já tinham passagem pela polícia. Os corpos foram removidos pelo Instituto Médico Legal (IML) e levados para Manaus, onde serão necropsiados.

Além do homem que deu entrada no hospital e alertou para a ocorrência da chacina, uma outra pessoa foi ferida com um tiro na região da perna durante o ataque. Ele se apresentou como caseiro do sítio e relatou que viu os criminosos aguardando na escuridão da mata. O único sobrevivente da chacina contou que se fingiu de morto para tentar escapar. Ele chegou ao hospital com perfurações de prego nas costas. Os dois foram ouvidos pela Polícia Civil do município, que prossegue com as investigações.

Por: Portal D24am

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *