Ravyla Sousa, de 10 anos, está desaparecida desde a última segunda-feira (21). (foto: reprodução/Redes Sociais)

A Polícia Civil do Pará continua investigando e fazendo buscas para localizar o suspeito do desaparecimento da menina Ravyla de Sousa, de 10 anos, no município de Viseu, nordeste do Estado. A criança teria saído de cara para ir a um comércio local comprar cheiro-verde para a mãe na última segunda-feira (21) e desapareceu.

O suspeito de ter levado a menina é um vendedor de sabonete, que estava hospedado em um Hotel da cidade. Durante as buscas, imagens de circuito interno de câmeras foram analisadas, e um veículo que foi deixado no hotel, também foi apreendido e passa por perícia, junto a outros objetos pessoais.

O levantamento feito por agentes da PC, aponta que o homem foi o último a ser visto com a menina. Em um dos depoimentos colhidos, uma menor de idade informou que foi assediada pela mesma pessoa, com palavras de baixo calão. 

Com provas contundentes, a Policia Civil do Pará representou pela prisão temporária e o mandado de prisão foi expedido pela Justiça. 

Em paralelo às buscas pelo indiciado, a PC-PA procura também a criança na região. Uma força-tarefa foi montada. Além do efetivo da cidade, homens da Diretoria de Polícia do Interior dão apoio à operação. 

Quem tiver qualquer informação que auxilie a Polícia nas investigações e localização do suspeito, pode ser repassada pelo disque denúncia, 181. O sigilo é garantido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *