Apreensão é superior ao volume tirado de circulação no ano de 2012.
Mais de 18 mil metros cúbicos de madeira em toras foram apreendidos.

ibama-portal-tailandia

O superintendente do Ibama no Pará, Hugo Américo, divulgou nesta terça-feira (5), divulgou que, em um mês de fiscalização no oeste do Pará, o instituto apreendeu uma quantidade de madeira em toras superior ao volume que foi apreendido em 2012 em todo o estado.

Segundo o Ibama, em 2012 foram apreendidos 10,5 mil metros cúbicos de madeira, e apenas com a operaçao Onda Verde, inciada em fevereiro nos municípios de Anapu, Santarém, Uruará e Novo Progresso, foram apreendidos 18 mil metros cúbicos de toras ilegais, o que equivale a 720 caminhões cheios de madeira.

“Em uma única área de estocagem, os fiscais apreenderam 100 toras”, disse o superintendente que, por conta da operação realizada no inverno, espera aumentar ainda mais a quantidade de material apreendido. “Esperamos um volume recorde de apreensões em 2013. Os resultados do início do ano indicam isso e demonstram o acerto da estratégia de colocar o Ibama em campo no período chuvoso”, completa.

Histórico
As operações de combate ao desmatamento do Ibama inciavam tradicionalmente no mês de abril, após a estação chuvosa conhecida como “inverno amazônico”. Esta foi a primeira vez que órgão antecipou para fevereiro as ações de fiscalização. “Tradicionalmente se derrubava a floresta no período da seca na Amazônia. Mas percebemos essa mudança de comportamento nos infratores e nos adaptamos”, explica o superintendente. No Pará, a Onda Verde conta com cerca de 100 homens, três helicópteros e apoio do Batalhão de Polícia Ambiental, Ministério do Trabalho e da Força Nacional.

 

 

Fonte: G1 Pará

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *