Crédito: Ilustrativa

Na última sexta-feira, 9, um homem matou a própria esposa, com golpes de marreta e tiijoladas. Georgileis Cardoso da Silva, de 52 anos, está foragido. Segundo informações, o acusado atacou a mulher na frente dos filhos e ainda teria cavado uma cova para esconder o corpo da vítima. O caso aconteceu em Sinop, em Mato Grosso.

Conforme o boletim de ocorrência, vizinhos do casal chamaram a Polícia Militar denunciando que a vizinha estava sendo espancada pelo marido dentro de sua  residência. O suspeito fugiu assim  que avistou a guarnição.

No imóvel, a polícia encontrou poças de sangue espalhadas em vários cantos e o corpo da mulher no chão, amarrada com uma corda nos braços, muito ferida e coberta de sangue. Ela chegou a ser socorrida e encaminhada para o Hospital Regional em estado gravíssimo, mas não resistiu aos ferimentos.

Os policiais encontraram a marreta utilizada no crime e um buraco com 1,20 m comprimento, 80 centímetros de largura e 60 de profundidade, que o acusado teria começado a cavar para enterrar a mulher.

Os filhos do casal ficaram sob tutela do Conselho Tutelar. A Polícia Civil registrou o crime como tentativa de feminicídio.

Por: são do RDNews

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *