A polícia informou que Flávio teria esperado a companheira, Eusivânia Marcelino de Souza e os filhos, a jovem Laisla de Souza Olmo, de 18 anos, e as duas crianças, uma de 8 e outra 4, que tiveram as identidades revelados, mas o jornal preferiu não citar, dormirem, para golpeá-los na cabeça com a ferramenta. (Divulgação)

Um homem, de 42 anos, matou a golpes de marreta a esposa, uma mulher de 40 anos, e os três filhos do casal, na madrugada desta terça-feira (15), em São Domingos do Norte, no Espírito Santo. Logo em seguida, o autor do crime tirou a própria vida. As informações são do jornal Folha Vitória. 

A polícia informou que Flávio Sandro Olomo teria esperado a companheira, Eusivânia Marcelino de Souza e os filhos, a jovem Laisla de Souza Olmo, de 18 anos, e as duas crianças, uma de 8 e outra 4, que tiveram as identidades revelados, mas o jornal preferiu não citar, dormirem, para golpeá-los na cabeça com a ferramenta.

Os agentes encontraram os corpos das vítimas em três ambientes diferentes da casa: os mais novos estavam em uma beliche de um dos quartos, a filha mais velha estava sozinha em outro quarto e a mulher estava na cama do casal.

Em depoimento à polícia, os familiares de Flávio e Eusivânia contaram que eles estariam em processo de separação, porém, ainda moravam sob o mesmo teto. De acordo com o delegado Rafael Caliman, titular da Delegacia de Polícia de São Gabriel da Palha, o acusado cometeu suícidio após matar a família.

Segundo investigações da polícia,  Flávio Olmo não possuía passagens criminais.

Por: O Liberal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *