Um homem, que se apresentava como integrante do Batalhão de Rondas Ostensivas Táticas Motorizadas da Polícia Militar (Rotam), foi preso com um simulacro de pistola calibre .40mm, idêntico às utilizadas pelos agentes de segurança pública.

A ação policial ocorreu na noite desta quarta-feira,14, no bairro de Nazaré, em Belém e teve início quando o suposto militar, que deixava à mostra a tatuagem da Rotam no braço esquerdo, solicitou apoio de uma viatura do 2° Batalhão (2° BPM), para ajudar a esposa. A equipe da PM pediu a devida identificação do homem, que alegou ter extraviado os documentos.

Diante de fundada suspeita, os policiais militares realizaram buscas pessoais e encontraram um simulacro de arma de fogo com o falso policial, que confessou não fazer parte da corporação e que se apresentava como agente das forças policiais para conseguir “bicos” na área de segurança.

O suspeito e o simulacro foram apresentados na Delegacia de Polícia Civil de São Brás onde o homem foi autuado pelo crime de Falsa Identidade.

Por Roma News

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *