Belfort se credencia novamente como desafiante direto ao cinturão dos médios, em posse de Anderson Silva.

vitor-belfort

Belfort: giratório certeiro em Luke Rockhold

O card principal do primeiro UFC realizado no Sul do País foi prato cheio para os lutadores brasileiros. Com nocaute avassalador por chute giratório (veja o GIF do golpe aqui!) ainda no primeiro assalto, Vitor Belfort detonou o ex-campeão do Strikeforce Luke Rockhold e se credencia novamente como desafiante direto ao cinturão dos médios, em posse de Anderson Silva.

Calmo e dosando a explosão característica, Belfort escaneou as primeiras iniciativas de Rockhold. Ainda com ataques tímidos, o norte-aemricano tentava encontrar a distância correta para encurralar o brasileiro e fazer valer a melhor envergadura.

Belfort então soltou um primeiro chute giratório de calcanhar que acertou a guarda do adversário. Pouco depois, o carioca repetiu o golpe, desta vez certeiro, que fez Rockhold desabar. Imediatamente, seguiu o castigo no solo com mais socos, que obrigaram o árbitro interromper e decretar o nocaute técnico, ainda na primeira etapa da luta.

Com o resultado, Belfort novamente estaria em condição de desafiante direto ao título dos médios, que terá a disputa entre o campeão Anderson Silva e o postulante Chris Weidman dia 6 de julho, na edição 162. Sobre a possibilidade de uma revanche bombástica contra o Spider, o carioca foi enfático.

“Estou aqui para lutar contra qualquer um. Todos vamos torcer para o Anderson vencer, quero fazer grandes combates. Se assim for a vontade do UFC, vou encarar. Quando você duvida de mim, eu sempre provo que você está errado”, disse Belfort, com o tom doutrinário de costume.

Especialista em boxe e jiu-jitsu, Belfort engata a segunda vitória consecutiva com chute alto no UFC. A primeira havia sido contra Michael Bisping, em janeiro. “Nosso esporte vive uma era de ouro. A evolução faz você sempre evoluir cada vez mais”, cravou o lutador.

Outras lutas do UFC Jaraguá

Ronaldo Jacaré x Chriz Camozzi
Estreia mais aguardada da noite, Ronaldo Jacaré encarou Chris Camozzi e não deu chances ao adversário. Primeiro, o manauara radicado no Rio de Janeiro esboçou algumas trocas de golpes para ganhar confiança, mas logo levou o adversário ao solo, de onde fez valer as habilidades sempre afiadas de multicampeão mundial de jiu-jitsu, e literalmente'passeou'.

Primeiro, quase encaixou chave de omoplata, que Camozzi se desvencilhou momentaneamente. Após espernear, o norte-americano foi pego em um katagatame (estrangulamento que pressiona braço e pescoço simultaneamente) e teve de bater em desistência.

Rafael dos Anjos x Evan Dunham
Sólido e com padrão de luta cada vez mais maduro no octógono, o brasileiro começou melhor, com bons lowkicks (chutes nas pernas), cruzados e uppercuts (socos dabeixo para cima). Mesmo em desvantagem, Dunham manteve a tática de trocar golpes na média distância até o primeiro intervalo.

No segundo assalto, porém, o norte-americano mudou a estratégia e passou a grudar como uma ventosa em Dos Anjos. Assim, levou ao solo algumas vezes e ainda abriu corte no supercílio. Nos cinco minutos finais, o carioca deteve o ímpeto do oponente, mas ainda houve momentos de trocas de golpes frenéticos até o fim. Grande luta e vitória suada de Rafael dos Anjos por pontos.

Rafael Sapo x João Zeferino
Convocado às pressas para o evento, o catarinense Zeferino foi impetuoso no início, com boas combinações de socos e chute que assustaram momentaneamente Sapo. Mas a partir do segundo assalto, o gás de Zeferino acabou e o experiente adversário passou a ditar o ritmo para valer. Mesmo sem mostrar um padrão vistoso de luta, Sapo fez o suficiente para atestar vantagens e garantir a vitória na decisão unânime.

[divide style=”2″]

Para acompanhar mais notícias de Tailândia e Região, curta o Portal Tailândia no Facebook: facebook.com/portaltailandia.com.brSiga também o Portal Tailândia no Twitter e por RSS.

Com informações: yahoo esportes / esporte interativo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *