O canal é composto por vídeos didáticos sobre as disciplinas dos ensinos fundamental e médio.

YouTube Edu (Foto: Divulgação)
YouTube Edu (Foto: Divulgação)
O Google disponibiliza hoje o YouTube Edu, plataforma colaborativa brasileira que reúne conteúdos de educação gratuitos para estudantes, professores e escolas. O projeto é resultado de parceria com a Fundação Lemann, criada em 2002 pelo empresário Jorge Paulo Lemann, o homem mais rico do país.

Com a iniciativa, as instituições pretendem estimular a produção de conteúdo educacional por professores brasileiros e aproveitar o alcance da internet para levar conhecimento a estudantes de todas as idades, lugares e classes sociais.

O canal é composto por vídeos didáticos sobre as disciplinas dos ensinos fundamental e médio: biologia, física, química, língua portuguesa e matemática ganharam prioridade na primeira fase do projeto. Segundo o Google, os conteúdos passaram por um “rigoroso processo de curadoria para garantir a precisão das informações” veiculadas.

“Cada um aprende melhor de um jeito e um grande diferencial da plataforma é justamente possibilitar que as pessoas escolham o professor que melhor se adapta ao seu perfil“ explica Denis Mizne, diretor executivo da Fundação Lemann. “Por isso, nesta avaliação, não julgamos o estilo das aulas, apenas a exatidão do conteúdo”, completa.

“O YouTube é a plataforma ideal para um projeto como esse, com um potencial praticamente infinito para agregar cada vez mais conteúdo de qualidade. Já temos planos para incluir canais de ensino fundamental e ensino superior. Além disso, a plataforma é aberta e qualquer educador pode submeter seu canal para avaliação”, explica Flavia Simon, diretora de Marketing no Google e responsável pela implantação do YouTube Edu no Brasil.

[divide style=”2″]

Via Olhar Digital

Para acompanhar mais notícias de Tailândia, Curta o Portal Tailândia no Facebook facebook.com/portaltailandia.com.br. Siga também o Portal Tailândia no Twitter e por RSS.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.