Investigadores da delegacia de Tailândia, nordeste de Pará, cumpriram um mandado de prisão preventiva contra Lenilson da Silva Corpes, de 30 anos, no último sábado (19).

Depois que um mandado de prisão foi emitido, Lenielson foi considerado foragido, acusado de estuprar uma pessoa vulnerável. O crime foi cometido no município de Garrafão do Norte em 2013.

A Comarca de Garrafão do Norte emitiu um mandado de prisão em 2017.

Após receber informações sobre seu paradeiro em Tailândia, os investigadores Vanessa, Mariano e Sergio foram ao local e conseguiram prendê-lo.

O acusado estava escondido na zona rural da Tailândia. Agora, está à disposição da Justiça na carceragem da delegacia da cidade.

Comentário
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.