Uma ação entre policiais civis e militares de Tailândia, nordeste do Pará, realizada nesta segunda-feira (11) resultou na prisão de 5 homens e na apreensão de três armas.

A polícia recebeu denúncias anônimas sobre um grupo armado fazer ameaças a trabalhadores rurais, na vicinal do Projeto Seringa, a 80 quilômetros de Tailândia.

O grupo fazia segurança armada, em uma área invadida, conhecida como comunidade Pão Torrado. Entre os homens detidos, Douglas Santos de Oliveira, Adriano Araújo de Andrade são guardas municipais no município de Marituba, que fica a 220 quilômetros de Tailândia.

O terceiro homem identificado é Fábio Bezerra Falcão que afirmou ser vigilante. Com eles foram apreendidos dois revólveres calibre 38, e uma espingarda calibre 28. Um veículo que era utilizado por eles também foi encaminhado á delegacia da cidade.

De acordo com a polícia, o grupo foi contratado por um ex-policial militar identificado como Darlan Barros para prestar ‘serviços’ ao medico urologista Gilberto Alexandre e Igor. Gilberto foi encaminhado à delegacia para prestar esclarecimento, o outro foi identificado apenas como Igor.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *