Pacientes que precisam de atendimento na urgência e emergência do Hospital Geral de Tailândia (HGT), nesta segunda-feira (30) tiveram dificuldades para serem atendidos na unidade de saúde.

VEJA TAMBÉM
Tailândia: adolescente de 17 anos morre em acidente na PA-150
Suspeito morre após tentar invadir residência em Tailândia

Wesley Rodrigues, estava na espera desde às 8h e até às 15h40 ainda não tinha sido atendido por um médico. Diagnosticado com covid-19, ele foi encaminhado do posto de saúde para o HGT. “O município está muito preocupado com a covid, agora o hospital do Estado é um descaso. Estou desde 8h da manhã sem atendimento, isso é uma injustiça”, afirmou o paciente.

Essa outra paciente diz que chegou por volta das 11h30 e até as 15h30 não tinha sido atendida também reclama. “Eu me sinto injustiçada. Isso aqui eles não estão dando uma coisa de graça para nós, nós pagamentos impostos” completou Mirian Lisboa.

De acordo com eles, muitos pacientes desistiram de aguardar pelo atendimento e foram embora.

Outro lado

Procurado por nossa equipe após as reclamações, o HGT divulgou a seguinte nota:

A diretoria do Hospital Geral de Tailândia (HGT), esclarece que, em função de atraso de transporte de um profissional médico Clínico do Pronto Atendimento (P.A), nesta segunda-feira, 30, houve registro de atraso involuntário no atendimento, que já foi regularizado. Salientamos que todos os pacientes avaliados nas cores amarelo e vermelho, receberam atendimento por toda equipe assistencial, em tempo hábil. Já os casos sem gravidade e ambulatoriais foram atendidos posteriormente.

Informamos que o HGT possui o Serviço de atendimento ao Usuário (SAU), onde casos de reclamações deste teor, podem ser registradas e respondidas diretamente ao usuário.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *