Mensagem de ataque coloca escola em alerta em Tailândia

Uma mensagem com palavras de puro ódio, escritas em uma carteira escolar do colégio Estadual São Francisco de Assis, deixou diretores, professores, alunos e pais em alerta, no município de Tailândia, nordeste do Pará.

O caso aconteceu na última semana, mas apenas agora ganhou notoriedade. A mensagem com dizeres “40 morre“, “morra“, “vou matar todo mundo da escola“, “outro terro vai acontecer” “sangue” e “odeio todo mundo“, o autor da mensagem ainda é desconhecido.

A direção da escola acionou as policias Militar e Civil, além do Corpo de Bombeiro e monitora todo movimento no interior da instituição de ensino.

Não está descartada a possibilidade de ser apenas uma brincadeira. Mas o objetivo é identificar o autor e oferecer ajuda para evitar o pior.

Massacre de Suzano

Dois adolescentes encapuzados mataram a tiros sete pessoas na Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano (SP), e cometeram suicídio em seguida, segundo a polícia.

O crime ocorreu no dia 13 de março e chocou o país. Os assassinos – Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, e Luiz Henrique de Castro, de 25 – eram ex-alunos do colégio.

Planejamento de ataque no Pará

No dia 19 de março, uma adolescente de 15 anos planejava incendiar a Escola Estadual Helena Guilhon, no conjunto Satélite, bairro do Tapanã, em Belém.

O pai da menina descobriu que o plano da menina foi arquitetado depois de uma série de ataques que ela vinha sofrendo.

Você pode gostar de ver

BMTV vai realizar cobertura do Carnaval 2013 em Tailândia

A afiliada da Rede Record em Tailândia vai cobrir os 4 dias…

Salsicha e Scooby-Doo são presos pela PM em Tailândia

Por volta das 15h, desde domingo (18), a Polícia Militar de Tailândia,…

4 pessoas foram presas em Tailândia acusadas de tráfico de drogas

O líder do grupo segundo a polícia seria um homem identificado como…