Mãe, taxista e suspeito baleado são presos a caminho do hospital em Tailândia

Uma mulher foi presa no fim tarde desta sexta-feira (21), na barreria de fiscalização da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), em Tailândia. Ela tentava levar o filho, Paulo Gonçalves Serrão, de 20 anos, baleado no braço e na perna no começo da tarde. Eles irão para o Hospital Geral de Tailândia (HGT).

Ela e o filho são moradores do município de Moju, a 130 quilômetros de Tailândia. Paulo estava com um amigo, que também foi baleado, mas não resistiu.

A polícia acredita que o suspeito que foi baleado e morreu também seja de Moju. Ele foi identificado até o momento como “Ícaro”.

A mãe de Paulo, foi informada do baleamento por trabalhadores de um dendezal. Ela pegou um táxi para “socorrer” o filho. O taxista que foi preso e também é de Moju, cobrou R$ 300,00 reais pela corrida.

A polícia foi avisada do plano de socorro da mulher e acionou a PRE que montou uma barreira na PA-150. Mãe, filho e o taxista acabaram presos.

Paulo foi encaminhado ao hospital, ele foi atingido de raspão no braço e perna.

A mãe dele e o taxista foram encaminhados à delegacia de Tailândia.

Você pode gostar de ver

Polícia Militar prende três da mesma família por tráfico de drogas em Tailândia

Três pessoas da mesma família foram presas, no fim da tarde desta…

Polícia Militar deflagra Operação Boas Festas nesta quinta-feira em Tailândia

A Polícia Militar de Tailândia deflagrou na manhã desta quinta-feira, 30, a…

Minhas impressões sobre a Audiência Pública do Plano de Saneamento Básico

Na cabeça de muitos, junto com o voto vai superpoderes ou uma varinha mágica, para estes o seu papel de cidadão começa e termina no dia da eleição

Um dia após ser inaugurada, escola é pichada por “bandidos” em Tailândia

Menos de um dia após ser inaugurada pelo governador Simão Jatene (PSDB),…