No feriado de Corpus Christi, dia 11 de junho, o município de Tailândia, nordeste do Pará, alcançou a 114ª posição no ranking paraense de isolamento social, com a taxa de  38,7% de pessoas que permaneceram em casa para evitar a proliferação do novo coronavírus.

A taxa foi divulgada pela Secretaria Estadual de Segurança Pública e Defesa Social (Segup), por meio da Secretaria Adjunta de Inteligência e Análise Criminal (Siac). De segunda a quinta-feira, ou seja, do dia 8 ao dia 11, Tailândia atingiu média de 37,9% de isolamento social, abaixo da média paraense de 40%.

As cidades com os três melhores índices foram Chaves (59,9%), Cachoeira do Piriá (59,1%) e Santa Cruz do Arari (54,5%). Já as cidades que mais desobedeceram à recomendação de ficar em casa, registrando um baixo índice de isolamento, foram Nova Ipixuna  (25%), Trairão (27,5%) e Magalhães Barata (30,3%).

Nos municípios vizinhos a Tailândia, os índices de Moju (41,5%), Goianésia do Pará (36,6%), Jacundá (36,5%), Tomé-Açu (38,8%) e Abaetetuba (44,7%) atingiram médias razoáveis.

Casos

Nesta sexta-feira (12), foi confirmada a 21ª morte causada pela pandemia em Tailândia. A nova vítima do vírus é um homem de 75 anos de idade, morador da vila Macarrão. 

Com 32 novos casos do novo coronavírus, Tailândia se aproxima dos 700 casos oficiais da Covid-19, com 682 casos no total.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *