Foi marcada para o dia 3 de outubro, de forma provisória, pelo Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE-PA) a eleição suplementar para prefeito e vice-prefeito do município de Goianésia do Pará, no sudeste paraense. A data foi definida em sessão plenária nessa terça-feira (27).

VEJA TAMBÉM

A data atende às exigências das autoridades de saúde em relação à pandemia do novo coronavírus. Atualmente o município está no bandeiramento vermelho, com 1.354 casos e 28 mortes pela covid-19.

Atualmente o município de Goianésia do Pará é administrado pelo prefeito interino, Francisco David Leite Rocha – Pastor Davi – que era presidente da Câmara Municipal do município.

Entenda

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) julgou por unanimidade, e negou provimento ao Recurso Especial Eleitoral, mantendo o indeferimento do registro de candidatura de recorrente Itamar Cardoso do Nascimento ao cargo de prefeito, tornando definitiva a anulação dos votos da chapa por ele integrada e determinando a imediata comunicação ao TRE do Pará para que nova eleição majoritária no município de Goianésia do Pará.

Itamar venceu as eleições de 15 de novembro passado com 6.201 votos, 40,17% dos votos válidos, mas, com a decisão do TSE, a votação foi anulada.

Com informações TRE/PA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *