Dados do CAGED – Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, do Ministério do Trabalho, apontam que os índices de empregos em Tailândia, nordeste paraense, são negativos em 2018. 

De acordo com o levantamento, o município demitiu mais do que contratou, entre janeiro e agosto de 2018. Neste período, houveram 1.669 admissões contra 2.104 demissões, o que gerou um salto negativo de 435 postos de trabalhos.

Nos últimos quatro anos, entre janeiro a junho, período do inverno os números são negativos. De janeiro a junho deste ano, os dados apontam que houve fechamento de 705 postos de trabalhos. Neste período, todos os meses apresentaram saldo negativo.

Julho e agosto apresentam saldo positivo (270 postos de trabalho) na geração de emprego, mas não o suficiente para superar os números ruins de 2018.

O setor que mais sofreu neste período foi o setor de agropecuária, extração vegetal (extração de dendê), caça e pesca com saldo negativa de 569 postos de trabalhos.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O que aconteceu hoje, direto no seu e-mail

As notícias que você não pode perder diretamente no seu e-mail.