Câmara rejeita indicação da vereadora Jakeline Neto que solicitava “Sala para exames de lesão corporal e sexológico”

A Câmara Municipal de Vereadores de Tailândia, rejeitou por 7 votos a 4, uma Indicação de autoria da vereadora Jakeline Neto (PRP), que solicitava ao Executivo Municipal uma sala ambulatorial e um profissional médico Clínico Geral, para realizar exames de lesão corporal e sexológico.

A indicação já tinha sido rejeitada no ano passado pela base governista. De acordo com vereadores da base, essa atribuição é do Estado e não da Prefeitura, e isso geraria custos aos cofres municipais. Os vereadores governistas negam, no entanto, que a rejeição da indicação seja questão política. Ainda que a Indicação fosse aprovada, caberia ao prefeito o poder de executar ou não a solicitação.

Jakeline Neto disse que mesmo com argumentos baseados em leis e bem técnicos, acredita que os colegas rejeitaram a indicação por questão política mesmo, mas que faz parte do jogo. Ela reiterou ainda que continuará levando ao plenário questões e debates que sejam importantes para o município.

A indicação da vereadora foi o único item da pauta da Sessão Ordinária desta quinta-feira, 12, que mais uma vez não contou com a presença da vereadora Higia Frota, de licença médica desde 2017.

Você pode gostar de ver

Inscrições prorrogadas do ProJovem Urbano em Tailândia

As inscrições do Programa ProJovem Urbano em Tailândia foram prorrogadas até o…

Estão abertas as inscrições para o Curso de Técnicas de Vendas na Acita

Inscrições abertas até o dia 8 de julho na Associação Comercial de Tailândia.

Rodrigo Andrade leva fãs à loucura em Tailândia

O ator cantou em na Royal Club na cidade de Tailândia, na…

Programação do 25º Aniversário de Tailândia

Diversas atrações marcam as comemorações do 25º Aniversário de Tailândia. Confira abaixo a relação completa da programação.