Foto: Portal Tailândia

Familiares de Rogerio Paiva Pinheiro, de 24 anos, procuraram à delegacia de Polícia Civil de Tailândia na manhã deste sábado (05), para reconhecimento do corpo. Ele foi morto a golpes de faca, na noite de quinta-feira (03), no bairro Bela Vista.

O reconhecimento aconteceu após uma publicação do Portal Tailândia, a pedido da própria polícia justamente para localizar a família da vítima.

Foto: Portal Tailândia

Após ouvir depoimento de uma avó da vítima, a polícia conseguiu apontar o principal acusado do crime, identificado como Marcelo Costa de Souza, também de 24 anos. O acusado, considerado foragido, é primo de Rogério Paiva. Ele desapareceu depois da morte de Rogerio.

Ainda não ficou claro para a polícia a motivação do homicídio, mas segundo testemunhas, os dois estavam bebendo e teriam saído juntos horas antes do crime, da casa da avó.

Rogerio estava há apenas duas semanas em Tailândia. Ele é natural da cidade de Goianésia do Pará. O local do crime fica próximo da residência da avó, onde ele estava ficando.

O delegado João Bosco pediu a prisão preventiva de Marcelo Costa e divulgou uma foto para facilitar no reconhecimento e localização.

Avó do acusado e da vítima, dona Raimunda de Souza, de 79 anos de idade, lamentou a perda do neto e pediu que seja feita Justiça, mesmo que isso signifique a prisão do outro neto. “Ele errou e tem que pagar”, completou a idosa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *