Adinaldo Marques Pires, de vulgo “Jeck”, de 18 anos, acusado pela polícia de cometer vários assaltos na última semana em Tailândia, nordeste paraense, foi baleado na manhã deste domingo (30), no conjunto residencial Arboreto.

LEIA TAMBÉM

Em Tailândia, Quadrilha Junina é assaltada durante ensaio, bandidos levam 8 celulares

Segundo a PM, o acusado já tinha trocado tiros com a guarnição durante a madrugada, depois de atentar contra a vida de um homem na avenida Aeroporto.

Ele estava em uma casa, quando os policiais se aproximaram, ao tentar reagir a abordagem policial, ele foi atingido. Uma equipe do Corpo de Bombeiros fez os primeiros atendimentos e depois encaminhou o rapaz ao Hospital Geral de Tailândia (HGT).

Um revólver calibre 38, com duas munições, sendo uma já deflagrada, foi apreendido pela Polícia Militar. A arma, segundo a polícia, era usada pelo acusado para praticar os crimes.

Três pessoas que estavam na casa, no momento que a polícia chegou, foram encaminhadas à delegacia. Entre elas, a dona da casa e dois menores de idade. Eles disseram que o acusado chegou no local pedido água, mas que não conhecem o rapaz.

Foto: Polícia Civil

Outras 4 pessoas já tinham sido presas pela PM durante a madrugada, entre elas, a namorada de Jeck, Adriana da Silva Sampaio, de 22 anos. Eles foram ouvidos pela Polícia Civil durante a manhã, apenas Adriana permaneceu presa.

Foto: Polícia Civil

O irmão dela, Adriano da Silva Sampaio, de 19 anos, foi preso pela Polícia Civil. Ele confessou participação no assalto a residência na última sexta-feira.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *