Weverton Santos dos Santos estava com mandado de prisão preventiva desde 2018, acusado de homicídio, em Tailândia, nordeste do Pará. A prisão foi realizada pela Polícia Militar neste último domingo (21), em Moju.

O foragido estava em um campo de futebol, conhecido por “Maconhão”, quando os policiais receberam a denúncia via 190. Os PM's foram até o local e constataram que Weverton estava tentando viver normalmente em Moju, a 100 km de Tailândia.

No momento da abordagem pelos PMs, Weverton tentou repassar informações erradas, mas não escondeu o nervosismo com a presença da polícia e acabou sendo encaminhado à delegacia de Moju.

Já na delegacia, os policiais constaram o mandado de prisão em desfavor do acusado. Ele está a disposição da Justiça, na delegacia de Moju.

O crime

Weverton e outras três pessoas, Edson Moreira da Silva, Natan Pantoja Conceição e Antônia Gonçalves da Silva foram acusados de envolvimento no homicídio de um homem, identificado como “Jhone ou Belém”. O crime aconteceu em 15 de julho de 2018, na vila Braulândia, zona rural de Tailândia.

Na ocasião, apenas Edson Moreira da Silva tinha sido preso, mas ele conseguiu a revogação da prisão e responde o crime em liberdade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *