Mãe e padrasto são presos acusados de tortura e tentativa de homicídio contra duas crianças, um de três anos e um bebê de 1 ano e 11 meses. O bebê está internado em estado grave e o irmão também foi hospitalizado com ferimentos no corpo e na cabeça. Ao serem presos, a mulher e seu companheiro preferiram ficar em silêncio. As informações são do G1 Goiás.

A mãe levou as crianças a uma unidade de saúde e, ao ser questionada sobre as lesões, disse que eles caíram do carrinho de bebê.

O plantonista chamou a polícia e os agentes conduziram a mulher até a delegacia. Ao irem buscar o padrasto, o homem tentou fugir e foi preso. Com ele, foi encontrada uma sandália com marcações semelhantes às lesões do corpo das crianças.

Os meninos estão internados em um hospital do Distrito Federal. O mais novo recebe tratamento numa Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Fonte: O Liberal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *