A Polícia Militar prendeu nesta quarta-feira (28) um jovem acusado de assassinar pai e filho em março do ano passado no município de Marabá. O acusado identificado como Lucas Dias Portela, conhecido como “Luquinhas”, foi preso tentando fugir, após realizar um assalto malsucedido.

Lucas havia sido indiciado por duplo homicido em março do ano passado após assassinar Ailton Nascimento Lopes, de 23 anos, e do filho, Kauã Ribeiro Nascimento, de apenas um ano e sete meses. O crime revolto toda a população e gerou muita repercussão pela frieza do criminoso.

A Polícia Militar também prendeu outras três pessoas que estavam com luqinhas realizando assaltos no municpio. Os criminosos foram identificados como Jonaci Carvalho Feitosa, de 45 anos, Luiz Fernando Conceição Teixeira, de 23, Gabriel Santos de Oliveira, de 18, e Jacsiel Sousa de Moura, de 20.

O bando havia invadido a casa de um bombeiro militar e acabaram sendo interceptados pela Polícia Militar ao tentarem fugir do local.

Na ação foi apreendido uma pistola 380, com cinco munições, e dois revólveres calibre 38, com seis munições

Todos foram autuados na 21ª Seccional Urbana de Polícia Civil por tentativa de roubo, porte de arma de fogo e associação criminosa. A pena de reclusão pode chegar até  23 anos – idade da maioria deles.

Informações de Debate Carajás

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *