Crédito: Reprodução/Redes Sociais/WhatsApp

O homem não identificado utilizou sangue de galinha para fingir que estava morto e chamar a atenção da ex-mulher. O caso aconteceu no município de São Sebastião da Boa Vista no arquipélago do Marajó. 

Os vizinhos disseram que o homem estava gravemente ferido e decidiram colocá-lo em uma rede para, em seguida, foi deixado dentro de um carro de mão para ser levado em uma viatura que estava próxima. Segundo o médico da cidade, não havia ferimentos no corpo da ‘vítima’ que estava desesperado para voltar com a companheira. Com isso, a equipe médica descobriu que o sangue no corpo do homem era de uma galinha que ele teria matado. 

O homem ficou alguns minutos na unidade de saúde em observação, por conta de dores de cabeça, mas teve alta depois.

Por: Rede Marajó.  

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *