O técnico Fran Costa, conhecido como “Rei do Acesso” no Pará, morreu na noite do último sábado, 23, aos 60 anos. Ele lutava contra um câncer de próstata e viveu seus últimos dias na cidade natal, Abaetetuba. 

Fran vinha tratando o câncer desde março do ano passado. Desde então precisou vir algumas vezes até Belém para realizar o tratamento. Amigos ajudaram custeando algumas ações, já que o treinador estava sem trabalhar.

O título de “Rei do Acesso” veio por conta das dez subidas de divisão para elite do Futebol Paraense. Ele começou na profissão em 2009, comandando a Tuna Luso Brasileira e ainda teve passagens por times como Abaeté, Vila Rica-Cametá, Vila Rica, Cametá, Paragominas, Vênus e Tapajós. 

O Paysandu se pronunciou em uma nota, lamentando a morte de Fran. “O Paysandu Sport Club lamenta profundamente o falecimento do técnico Fran Costa, mais conhecido como Rei do Acesso do futebol paraense, já que conseguiu subir da segunda para a primeira divisão do Parazão em dez ocasiões. O treinador travava luta contra um câncer de próstata nos últimos meses.

A diretoria bicolor irá solicitar um minuto de silêncio em sua homenagem antes da partida de volta da final do Campeonato Paraense, entre Paysandu e Tuna Luso, na tarde deste domingo, 23, no Estádio Banpará Curuzu. A instituição se solidariza com seus familiares e amigos neste momento de dor”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *