Crédito: Arquivo pessoal

A polícia continua as buscas por Valmir de Sousa Góes, acusado de ter matado e enterrado no corpo da sua esposa, Otacioane Rodrigues da Costa Faustino, em uma chácara, na zona rural do município de Tucumã, sudeste do estado. O crime aconteceu no último dia 6 de março.

O corpo da vítima foi encontrado pela Polícia, na terça-feira, 9, enterrado em uma cova rasa. Segundo as investigações o acusado teria dito à família da jovem que ela havia morrido de covid-19 e precisou ser enterrada com urgência.

O acusado ainda teria pedido demissão da chácara em que trabalhava como caseiro e foi embora da cidade. Antes de fugir, confessou ao pai dele que havia cometido o crime.

Por: Fato Regional 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *