Mesmo com a Lei 14.064, sancionada em setembro do ano passado, que torna mais rigorosa a penalidade para quem for flagrado maltratando animais, outros dois casos foram registrados em Santarém, no oeste do Pará.

Uma cadela da raça pitbull foi abandonada bastante debilitada. O animal estava impossibilitado de andar, por conta dos buracos provocados por pulgas que se alojaram nas patas. No ouvido da pitbull, batizada tinham larvas de moscas. 

Vitória, como foi batizada, foi resgatado na terça-feira, 5, por voluntários de uma ONG que defende os direitos dos animais na cidade. Testemunhas relataram que viram a cadela sendo jogada de dentro de um carro, porém sem a placa não é possível identificar os criminosos. Há suspeitas que o animal tenha sido utilizado como matriz, no processo de reprodução e venda de pitbulls. 

Vitória foi resgatada e segue internada em uma clínica veterinária, onde está recebendo os cuidados e medicações necessárias para recuperação. Voluntários estão em busca de um lar temporário para o animal, além de ajuda financeira para os custos com o tratamento de Vitória na clínica onde está sendo tratada.

Os voluntários da Ong também buscam por outro animal, que também está abandonada nas ruas de Santarém. A cadela, da raça pitbull, foi vista por moradores, mas ainda não conseguiram localizá-la para fazer o resgate.

Para ajudar

Os interessados em colaborar com o tratamento de Vitória podem entrar em contato com os voluntários da ONG pela página no Facebook “Lar do Amor”. Doações em dinheiro também podem fazer transferências bancárias pela chave PIX nº: 576.581.372-00.

Roma News

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *