Crédito: Divulgação

Na noite do último domingo, 14, o professor Eurilon Pereira Lima, de 38 anos, foi assassinado a facadas, dentro de casa, na Vila São Benedito, na zona rural de São Domingos do Araguaia. 

Um dos moradores acionou a Polícia Militar, que foi até o local para preservar a cena do crime até a chegada do Instituto Médico Legal (IML), para que fizessem a remoção do corpo e dos agentes da Divisão de Homicídios da Polícia Civil, que devem investigar o caso. 

Segundo os militares, ninguém soube informar quem teria matado o educador, que também era dono de um bar. Testemunhas falaram apenas que o assassino costumava frequentar o bar da vítima.  

Ainda de acordo com a polícia, a principal linha de investigação seria latrocínio, já que todo o  dinheiro do professor foi levado.

Por: Roma News

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *