Foto: PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu 54,51m³ madeira que estava sendo transportada de forma ilegal nos municípios na BR-230. Segundo informações divulgadas nesta segunda-feira (23), os flagrantes ocorreram em Altamira e Vitória do Xingu, sudeste do estado.

O primeiro flagrante ocorreu em Vitória do Xingu, volta das 12h de domingo (22), os policiais abordaram o veículo. Ao realizarem a medição técnica da carga, os agentes chegaram a um volume total de 33,46m³. Em verificação aos documentos fiscais, notou-se que havia divergências com volume que estava sendo transportado no veículo. Constavam, na nota fiscal e na guia florestal o volume de 30,011m³ em discordância com a medição realizada.

Logo após esse primeiro ocorrido, em Altamira, os policiais abordaram outro veículo, que transportava portais e alisares de maçaranduba. Foi solicitado os documentos fiscais, Documento auxiliar de Nota Fiscal/DANFE e o Documento de Origem Florestal/GF, sendo constatado divergência entre eles, pois a DANFE constava 12,003m³ e a GF constava 8,004m³. Após medição técnica realizada pelos policias, constatou que o volume de madeira era de 21,05 m³, havendo incompatibilidade de 1,043m³ com a carga descrita nas documentação.

G1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.